Secretaria

Samae

Sobre o SAMAE

História do SAMAE
Na década de 40, Dr. Carlos Moritz iniciou seus serviços como médico em Brusque e constatou alto índice de verminose, problemas de dentição e falta de hábitos por parte da população, tudo em virtude da falta de saneamento básico no município.

Em seguida candidatou-se a prefeito, foi eleito e começou um trabalho de buscar recursos junto ao governo federal para iniciar seu projeto de tratar e distribuir água a população.

Com os recursos foram feitas pesquisas e definidas as águas do rio Itajaí-Mirim, com tratamento convencional.
A primeira estação de tratamento (ETA), tratava 40 l/s com um floculador do tipo hidráulico com chicanas e fluxo horizontal, decantador convencional, três filtros rápidos de areia e reservatório de contato para um tempo de 10 minutos. A desinfecção era com cloro gás.

Com estas características a ETA funcionou até 1980, onde já tratava 85 l/s, sendo então ampliada para 140 l/s, com a inclusão de mais um filtro e a reforma do outro. Nesta ampliação entrou em operação um vertedouro para medição de vazão do tipo Parschall, decantação acelerada com placas lamelares, floculadores mecânicos com eixo horizontal. Os filtros são do tipo rápido por gravidade com leito misto (areia mais antracito). O reservatório de contato continuou com as mesmas características.

Atualmente a ETA opera com capacidade para tratar 260 l/s de água.

Samae Brusque
Captação
A água tratada por esta ETA, é do rio Itajaí-Mirim, sua captação funciona da seguinte maneira:
1- Existe uma pequena barragem, chamada barragem de nível, cuja função é de manter fixo o nível de água, para não haver flutuações de vazão durante as estiagens.

2- Dentro da barragem existe um coletor de água em forma de um navio, cuja função é impedir a entrada de materiais particulados como, pedaços de madeira, plásticos, areia e seixos de diâmetro maiores.

3- Deste "navio", a água flui por gravidade para um compartimento chamado de caixa de areia, passando, em seguida, também por gravidade, a outro compartimento onde estão colocadas as válvulas das bombas, sendo a função desta etapa fazer precipitar areia de diâmetro muito pequeno.

4- Em seguida existem três bombas com 90 l/s cada uma e os seus motores tem uma potencia nominal de 100 Cv. Estas bombas recalcam a água até a ETA, numa distancia de 1200 metros e com desnível de aproximadamente 60 metros.

5- A adução é realizada com três adutoras, sendo duas de 250 mm de diâmetro e uma de 400 mm de diâmetro.

Tratamento
Ao chegar na ETA, os processos são os seguintes:

1- Pré-Sedimentador:
Compartimento com a função de receber toda água que chega da captação e iniciar o processo de tratamento.
Ao entrar no pré-sedimentador, a água passa pela calha Parschall, aonde é medida sua vazão. O tempo de contato deste compartimento é de 10 minutos, ou seja, caso este compartimento esteja vazio gasta-se um tempo de 10 minutos para enchê-lo. Na saída do pré-sedimentador é adicionado sulfato de alumínio, cuja finalidade é de promover, juntamente com a alcalinidade e uma agitação enérgica, a coagulação.
Na etapa da coagulação ocorre a seguinte reação química:
Al2(SO4)3 + 3Ca(OH)2 → 2Al(OH)3 + 3CaSO4
O Composto 2Al(OH)3, de nome Hidróxido de Alumínio, é gelatinoso, poroso e invisível, sendo responsável pela remoção da cor e turbidez remanescente.

2- Floculador:
Compartimento provido de agitadores lentos, para promover a mistura homogênea do Hidróxido de Alumínio com a água e suas impurezas. Para tanto, neste processo é muito importante o tempo de contato e a velocidade dos agitadores. Como o hidróxido de alumínio é poroso e gelatinoso, as impurezas entram em seus poros, aumentando seu tamanho tornando-o mais pesado que a água. Neste processo o Hidróxido de Alumínio é chamado de flóculo.

3- Decantador:
Compartimento cuja função principal é a de receber todos os flóculos oriundos do floculador. É composto por um tanque contendo placas inclinadas num ângulo de 60º, que aumentam a área de contato e forçam a diminuição da tensão superficial da água. O fundo deste tanque tem a forma cônica que facilita a remoção do lodo, visto que esta é realizada com descargas intermitentes. Este processo é conhecido pelo nome de decantação acelerada com placas planas lamelares, e a ETA possui 4 unidades.
Na saída do decantador, a água recebe Dióxido de Cloro, que atua como agente desinfetante e oxidante.

4- Filtros:
Unidade Composta por: fundo falso, camada de seixos, areia e antracito (carvão mineral). Nesta unidade são removidos, turbidez remanescente e um percentual em torno de 80 % de bactérias. Estes filtros são do tipo rápido por gravidade de leito misto, aonde a água entra por cima e sai por baixo limpa. A limpeza dos filtros é feita invertendo o fluxo da água, ou seja, a água entra por baixo e remove as impurezas. Na ETA são em número de 6.

Sistema Isolado de Tratamento de Volta Grande
A água, coletada de uma barragem de nível constante, tem ótima qualidade e segue para o tratamento. Este é realizado através de filtros lentos com sua operação conforme descrito:
1- Logo que este filtro entra em operação, permanece entre 3 a 5 dias na fase de maturação (fechado), até formar uma fina camada de algas que é o responsável pela verdadeira filtração.
2- Saindo dos filtros a água flui por gravidade até um reservatório que serve como contato e distribuição. E nesta unidade que recebe cloro e flúor.

Sistema Isolado de Tratamento de Dom Joaquim
A unidade de Dom Joaquim foi o primeiro Sistema Isolado do SAMAE. Este era operado com sistemas manuais, porém em 1997 sofreu uma reforma e hoje é totalmente automatizado. A automação vai desde os registros de manobra até as dosadoras de Cloro e Flúor. Com leituras instantâneas de Cloro e a sua correção.
Em 2004 foi introduzido neste microsistema um filtro de lavação continua de areia, conforme o existente no Microsistema de Tratamento de Limeira. Na saída do filtro, a água é clorada e fluoretada.

Sistema Isolado de Tratamento de Bateas
Este sistema é composto por um poço artesiano com 180 metros de profundidade, sendo que a 90 metros está situada à bomba de adução. Também faz parte um reservatório, aonde é promovida a adição de Cloro e Flúor. Visto que a qualidade desta água é ótima, não é necessário outro tratamento.

Sistema Isolado de Tratamento de Santa Luzia
Possui uma barragem de níve l constante, aonde a água flui por gravidade até o tratamento. Esta etapa é realizada através de Filtro Russo ou Clarificador de Contato. A água entra por baixo juntamente com as impurezas e sai por cima limpa e com 80 % de remoção das bactérias.
A desinfecção e a fluoretação são realizadas num reservatório de contato, e logo após a água flui por gravidade ao reservatório de distribuição.

Sistema Isolado de Tratamento de Zantão
A água do córrego é armazenada para que durante os meses de estiagem não haja falta d`água.
A cloração e a fluoretação são realizadas diretamente no reservatório de distribuição, aonde são adicionados, Cloro e Flúor.

Sistema Isolado de Tratamento de Ribeirão do Mafra
A água coletada de uma barragem de nível constante tem ótima qualidade e segue para o tratamento, que é realizado através de filtros lentos com sua operação conforme descrito:

1- Logo que este filtro entra em operação, permanece entre 3 e 5 dias na fase de maturação (fechado), até formar uma fina camada de algas que é o responsável pela verdadeira filtração.

2- Saindo dos filtros a água flui por gravidade até um reservatório que serve como contato e distribuição. É nesta unidade que recebe Cloro e Flúor.

Sistema Isolado de Tratamento de Limeira
A água é coletada de uma barragem de nível constante e segue para o tratamento, que é realizado através de um filtro de operação continua, ou seja, sua operação não precisa ser interrompida para lavação de areia. A água que entra é filtrada percorrendo em fluxo ascendente o leito de areia e os sólidos suspensos formados com a adição de um coagulante são descarregados com a água de lavagem.

Saindo do filtro a água, clorada e fluoretada, flui por gravidade até um reservatório com capacidade de 500.000 litros que serve de contato e distribuição.

Horário de atendimento: 8h às 12 e das 14h às 18h