Imprensa

21/06/2016
TRANSITOLÂNDIA

Início das atividades na TRANSITOLÂNDIA

Dirigir com cuidado, atravessar na faixa de pedestres, ser gentil e atencioso com os demais. Estas foram algumas das lições aprendidas e vivenciadas pelos estudantes do terceiro ano da Escola de Ensino Fundamental Vendelino Wiemes, do bairro Cedrinho, na primeira edição do ano da Trânsitolândia, no centro de operações da Polícia Militar.

No início da manhã desta terça-feira (21), as crianças tiveram uma aula expositiva com a policial militar Karine Gonçalves e o agente da Guarda de Trânsito de Brusque, Pedro Henrique Guimarães Cajado. Participativos, os estudantes contaram situações presenciadas e acidentes ocorridos com familiares.

Após o lanche, todos foram para o espaço vivencial, que simula uma via comum, com sinalização horizontal, placas indicativas, travessias elevadas e calçadas. Como no trânsito, todos são motoristas por algum momento e depois são pedestres, alternando com os colegas. “Aqui eles vivenciam o trânsito e tem a real noção de como as coisas acontecem. Além disso, eles levam o que aprenderam para casa e chamam atenção os pais”, explica Cajado.

A professora Andréa Santos, que acompanhou os alunos, conta que a aula não termina nesta visita à Transitolândia. “Aqui é muito legal pois eles aprendem na prática, mas a responsabilidade continua na escola, passando as orientações para os demais alunos, de outras turmas”.

Transitolândia
O projeto visa instruir os estudantes sobre quais as melhores formas de se comportar no trânsito para a promoção de um ambiente mais seguro nas ruas. Além das aulas teóricas também serão realizadas aulas práticas. A intenção é que as crianças atuem como multiplicadoras dentro de suas casas e com seus amigos, disseminando essas informações para toda a comunidade.


Clarissa dos Santos/ Secom

Tópicos: